Oficina sobre utilização do Banco de Dados Internacional Sobre Fortificações” encerra Encontro ICOFORT RIO 2017

17/11/2017 15:02

Nos dia 9 e 10 de novembro de 2017 aconteceu na cidade do Rio de Janeiro, no Forte Duque de Caxias (CEP), a Oficina técnica (Workshop): “Como utilizar o Banco de Dados Internacional Sobre Fortificações” na continuidade do Encontro Internacional Sobre Fortificações e Patrimônio Militar – ICOFORT RIO 2017, que foi ministrada pelo membro do ICOFORT e arquiteto da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Roberto Tonera. O evento contou com a participação de diversos profissionais de vários estados brasileiros e dos técnicos da Diretoria do Patrimônio Histórico e Cultural do Exercito Brasileiro (DPHCEx).

Durante a oficina foram realizadas demonstrações práticas de como efetuar a inserção de imagens, vídeos e demais conteúdos na base de dados, utilizando um manual de ajuda elaborado especialmente para a Oficina. No segundo dia os participantes visitaram também a exposição de pôsteres da Coordenadoria das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina, onde foram apresentados os projetos que estão sendo desenvolvidos pela UFSC, voltados à preservação,  valorização e difusão das fortalezas de Anhatomirim, Ratones e Ponta Grossa. O objetivo da oficina foi capacitar tecnicamente os gestores de fortificações, pesquisadores e demais profissionais e instituições interessadas no uso, na busca de resultados e na edição de conteúdos do Banco de Dados Internacional Sobre Fortificações (www.fortalezas.org).

Para 2018, foram agendadas outras edições da Oficina em alguns estados brasileiros (como Salvador, São Paulo e Recife), com datas ainda a confirmar, assim como duas edições em Florianópolis: a primeira no mês de abril de 2018 e a segunda durante o 9º Seminário Internacional de Cidades Fortificadas que acontecerá de 3 a 7 de dezembro de 2018. Essas Oficinas serão abertas a todas as instituições interessadas no tema, como bibliotecas, arquivos, órgãos de preservação, institutos históricos, entre outras entidades detentoras de acervo sobre patrimônio fortificado, sendo direcionadas, em especial, aos gestores das 19 fortificações brasileiras candidatas a Patrimônio Mundial, o que vem atender às diretrizes da Carta de Recife.

Clique aqui para retirar o certificado de participação na Oficina.

Já estão disponíveis as gravações em vídeo da Oficina, divididas em 4 partes sequenciais. Clique abaixo para assistir:

Oficina parte 1
Oficina parte 2
Oficina parte 3
Oficina parte 4

Clique aqui para ter acesso ao manual em inglês.

Veja abaixo algumas imagens:

  

 

Comments